Logo da CAARJ
Logo da OAB-RJ

INDEX | NOTÍCIAS

Aprenda a proteger a pele no inverno

Com a chegada do inverno, a preocupação da maioria das pessoas costuma se voltar para a incidência das doenças respiratórias, como a gripe. Mas muitos se esquecem dos problemas de pele, também comuns nesta época do ano. De acordo com a dermatologista Patricia Ormiga, com o clima mais frio a umidade do ar se torna mais baixa, fazendo com que a pele se torne ressecada. “O clima mais seco pode deixar a pele esbranquiçada e provocar coceiras, desencadeando lesões, como a dermatite atópica, que acomete muito as crianças, mas também adultos e idosos”, afirma.

Segundo ela, é comum ainda, nesta época do ano, o aparecimento de rachaduras no rosto, no canto da boca, nos pés e nas pernas, também em função deste ressecamento. “Temos o clima mais seco, mas nesta época também costumamos tomar banhos mais quentes, o que reduz a oleosidade natural da pele”, alerta a especialista, que orienta aos seus pacientes que mantenham uma alimentação equilibrada, com a ingestão de muito líquido. “Também é importante investir em hidratantes corporais, seguindo a indicação de um dermatologista, para que seja adequado ao tipo de pele de cada pessoa. E não descuidar dos filtros solares”, acrescenta. Patrícia dá cinco dicas de como manter a pele hidratada mesmo no frio:

  1. Usar filtro solar todos os dias, faça chuva ou faça sol;
  2. Usar o sabonete correto para o seu tipo de pele;
  3. Use pelo menos um antioxidade, como um sérum de vitamina C, por exemplo, diariamente;
  4. Evite banhos muito quentes. Água muito quente remove a barreira de proteção da pele;
  5. Evite o contato direto da pele com fibras sintéticas e lãs, que podem causar irritação e perda de água pela pele. É indicado usar malha de algodão por baixo.



NOTÍCIAS

28/11/2013 - Proteger para incluir

SAIBA +

07/11/2013 - Conheça as unidades do Sesc no Rio de Janeiro e saiba como ser conveniado

SAIBA +

14/10/2013 - Regulamento das Promoções

SAIBA +

17/09/2013 - Subseções promovem jogos esportivos para advogados e estagiários de Direito

SAIBA +