Logo da CAARJ
Logo da OAB-RJ

CULTURA & LAZER | NOTÍCIAS

Liberdade de Carlos Vergara transformará prédio histórico da CAARJ

9181977353_cb355ae580_o

01/06/13 – A implosão do Complexo Penitenciário da Frei Caneca, no bairro do Estácio, no Rio de Janeiro, em 2010, foi a inspiração para o artista plástico Carlos Vergara estruturar mais uma exposição.

Denominada “Liberdade”, uma referência oposta ao sistema prisional brasileiro, a exposição retrata pela arte o objetivo do artista: não deixar mais de um século de histórias, pessoais e coletivas, vividas no interior do presídio, serem esquecidas pelo processo de amnésia social que predomina sobre fatos ocorridos em determinadas circunstâncias.

Carlos Vergara diz que a arte é uma expressão da liberdade de pensar. E explica: a arte desperta discussões, incertezas e promove reflexões sobre questões nebulosas.

“Liberdade” é uma exposição projetada e elaborada com materiais que “sobraram’ e foram “recolhidos” do complexo prisional. São portas, grades, areia e resíduos, retirados do presídio carioca, que ganharam vida na mão do artista. São também aquarelas e pinturas feitas como tentativas de capturar um lugar e um tempo que se desfizeram em ruínas e pó.

A exposição montada na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio de Janeiro, em 2011 e na Estação Pinacoteca, em São Paulo, em 2012 será adaptada ao histórico edifício sede da Caarj, localizado no Centro do Rio.

A ideia do presidente da Caarj, Marcello Oliveira, de transformar o local em espaço permanente de reflexão e memória cativou Carlos Vergara. O artista já estuda o projeto de intervenção e adaptação de suas obras no prédio, que abriga ainda a Comissão da Verdade do Estado e o Instituto dos Advogados do Brasil, além de ser vizinho do Ministério Público e da OAB.

Mas, um pouco da “Liberdade” está aqui neste espaço virtual.