Logo da CAARJ
Logo da OAB-RJ

ASSISTÊNCIA | NOTÍCIAS

Escritora Paula Pimenta junta-se ao Fome de Leitura

Foto: LEO DRUMOND / NITRO

Foto: LEO DRUMOND / NITRO

Chegando em sua reta final, a campanha Fome de Leitura acaba de receber mais um apoio. Desta vez, quem abraça a iniciativa da Caarj, em parceria com a Ação da Cidadania e o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) é a escritora best-seller Paula Pimenta. Autora de livros voltados para o público infanto-juvenil, ela defende que “todo incentivo à literatura é válido, ainda mais para crianças”. “O hábito da leitura tem que ser adquirido desde cedo, pois dificilmente um adulto vira um grande leitor se não tem o costume de ler desde criança”, aponta ela, que doou livros autografados para a campanha.

Pimenta conta com 14 livros lançados no Brasil, além de participar de outras quatro coletâneas. Ela também tem títulos publicados em Portugal, Espanha e na América Latina. Suas obras costumam abordar o universo feminino adolescente, e são sucesso de vendas – uma delas, o livro Fazendo Meu Filme, deve ser levado para a tela grande do cinema. Ela acredita que o fato de terem surgido novos autores voltados para este tipo de público ajudou a chamar a atenção das crianças para o hábito da leitura. “Especialmente na última década apareceram vários livros e autores voltados para o segmento infanto-juvenil e isso fez com que esse público passasse a se interessar mais por leitura. Mas sempre pode melhorar. Vivemos uma época em que as crianças e jovens têm muitas ‘distrações’, como internet, celular, videogame… Então o hábito da leitura deve ser constantemente incentivado”, argumenta.

Segundo ela, os ganhos em se cultivar o hábito da leitura são muitos. “Quem lê desenvolve poder de concentração, estimula a imaginação, enriquece o vocabulário”, enumera Pimenta, antes de ponderar que mais autores infantis defendam iniciativas como a campanha, de doação de livros – em particular por conta da erradicação de males como o analfabetismo funcional. “Todos devem fazer a sua parte”, frisa.

Clique AQUI e conheça os pontos de doação de livros da campanha Fome de Leitura.