Logo da CAARJ
Logo da OAB-RJ

CULTURA & LAZER | NOTÍCIAS

Pré-estreia nacional marca fim de semana no Odeon

destaque odeon

A pré-estreia de um filme nacional marca a programação do Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro neste final de semana. O filme nacional “Meu Amigo Hindu”, dirigido por Hector Babenco, traz a história de Diego (Willem Dafoe), um cineasta diagnosticado com câncer terminal cuja única chance de sobrevivência é se submeter a um transplante de medula óssea experimental, realizado nos Estados Unidos. Assim, ele parte para Washington, mas antes decide se casar e se despedir dos amigos. Já no hospital, ele conhece um menino hindu de apenas oito anos, que também está internado. Logo Diego passa a vivenciar com ele aventuras fantasiosas, inspiradas no cinema, que ajudam a suportar a dura realidade que os cerca. O Caarj Cultural convida a advocacia para assistir ao filme, com direito à meia entrada a partir da apresentação da carteira da Ordem.

Também estreia o filme americano “A Garota Dinamarquesa”, com direção do cineasta Tom Hooper. O filme é a cinebiografia de Lili Elbe (Eddie Redmayne), que nasceu Einar Mogens Wegener e foi a primeira pessoa a se submeter a uma cirurgia de mudança de gênero. Em foco, o relacionamento amoroso do pintor dinamarquês com Gerda (Alicia Vikander) e sua descoberta como mulher. A programação dessa semana também conta com dois filmes internacionais de drama. O filme húngaro “Filho de Saul” fala sobre o ano de 1944 no campo de concentração de Auschwitz, durante a Segunda Guerra Mundial. Saul (Géza Röhrig) é um judeu obrigado a trabalhar para os nazistas, sendo um dos responsáveis em limpar as câmaras de gás após dezenas de outros judeus serem mortos. Em meio à tensão do momento e às dificuldades inerentes desta tarefa, ele reconhece entre os mortos o corpo de seu próprio filho.

Já o longa americano “Trumbo: Lista Negra” conta a vida do roteirista Dalton Trumbo (Bryan Cranston), que tem uma história singular em Hollywood: apesar de ter escrito algumas das histórias de maior sucesso da época, como A Princesa e o Plebeu (1953), ele se recusou a cooperar com o Comitê de Atividades Antiamericanas do Congresso e acabou preso e proibido de trabalhar. Mesmo quando saiu da prisão, Trumbo demorou anos para vencer o boicote do governo, sofrendo com uma série de problemas envolvendo familiares e amigos próximos. Para mais informações, confira a programação completa AQUI.