Logo da CAARJ
Logo da OAB-RJ

CULTURAL | NOTÍCIAS

Literatura crítica e poética compõem revista lançada pela CAARJ

Gerada por mulheres advogadas e com o intuito de comunicar arte, a revista “Prosa de Contextação”, lançada na última segunda-feira (03/12), é um mix de força, expressão, transformação e inspiração. “Presenciar esse evento me deixa feliz por vários motivos. Um deles é a percepção de que conseguimos transformar a Caixa em uma reprodutora de mensagens através de ações sociais, culturais, de bem-estar, de saúde, e também de combate ao que nos incomoda na sociedade, como o machismo, a injustiça”, disse Marcello Oliveira, presidente da CAARJ.

O projeto teve início quando Marcello Oliveira convidou a advogada Juliana Ludmer para montar a revista por conta dos textos que ela publicava no Facebook. “Recebi um inbox do Marcello dizendo que lia os meus textos. Achei estranhíssimo. Pensei se tratar de alguma conspiração até”, relembra bem-humorada, “Mas no fim das contas era realmente tudo verdade”, brinca Juliana, que se tornou diretora de conteúdo do projeto. “Comecei a pensar em qual tema poderia escolher para a revista e, em conversa com grandes pessoas que estão aqui hoje, percebi que algumas violências, por serem naturalizadas, eram completamente invisibilizadas”.

A primeira edição da revista contou com uma equipe de dez mulheres, que se dividiram entre direção de conteúdo e literária; curadoria; ilustração e diagramação; e revisão, além da participação da professora Eneida Desiree Salgado, como colunista convidada. Mariana Imbelloni Braga, que assumiu o papel de diretora literária, vê o processo como a criação de uma “teia”. “Me veio muito a sensação de semente, sendo a raiz como uma teia. No fundo, um trabalho que parecia difícil foi absurdamente fácil porque todas as mulheres contatadas queriam ser teia e quando fizemos uma chamada aberta, havia várias vozes de mulheres esperando ter essa semente para encontrarem o texto”, explica Mariana.

Com 20 textos, Prosa de Contextação nasce da proposta de publicar textos literários e relatos cotidianos escritos por mulheres advogadas, no intuito de possibilitar, por essa rica forma de expressão pessoal que é a literatura, um novo espaço de intercâmbio crítico e troca de vivências para a advocacia. O objetivo da primeira edição, com o tema Violências Camufladas, é abrir espaço para expressão sobre violências percebidas por mulheres advogadas em sua prática profissional, sua vida pessoal e sua observação da sociedade.

Para acessar a versão digital da revista, clique aqui.

Este slideshow necessita de JavaScript.



NOTÍCIAS

07/12/2018 - Literatura crítica e poética compõem revista lançada pela CAARJ

SAIBA +

06/12/2018 - Exposição Faces da Justiça segue para OAB Méier e CAARJ

SAIBA +

06/12/2018 - Curta a programação de dezembro do Cine Odeon com 50% de desconto

SAIBA +

06/12/2018 - Último Cine Clube Direito em Movimento de 2018 reúne os eixos Bem-Estar e Cultural

SAIBA +

04/12/2018 - Confira os espetáculos com desconto em dezembro

SAIBA +

29/11/2018 - Viúvas do crime tomam o Odeon e advogados se dão bem

SAIBA +

26/11/2018 - CAARJ alcança mais de 1000 pessoas com Guilherme Miziara

SAIBA +

23/11/2018 - Teatro Ziembinski tem programação especial no Mês da Consciência Negra

SAIBA +

22/11/2018 - Freddie Mercury chega ao Odeon

SAIBA +

16/11/2018 - Segundo filme de Animais Fantásticos estreia no Odeon

SAIBA +

[MAIS NOTÍCIAS]